O Jornal Tocha da Verdade é um periódico trimestral independente que tem como objetivo resgatar os princípios cristãos em toda sua plenitude. Com artigos escritos por pastores, professores de algumas áreas do saber e por estudiosos da teologia buscamos despertar a comunidade cristã-evangélica para a pureza das Escrituras. Incentivamos a prática e a ética cristã em vistas do aperfeiçoamento da Igreja de Cristo como noiva imaculada. Prezamos pela simplicidade do Evangelho e pelo não conformismo com a mundanização e a secularização do Cristianismo pós-moderno em fase de decadência espiritual.

Comunie

Comunie

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Escritores evangélicos esquecidos II

Emílio Conde ingressou na Assembleia de Deus, aproximadamente, em 1920, vindo de outra ramificação cristã. Vivenciou as experiências profundas do início do movimento pentecostal brasileiro, encabeçado pelos missionários Daniel Berg e Gunnar Vingren, orientados pelo Espírito. Conde foi recepcionado na Igreja localizada no bairro de São Cristovão(RJ), muito conhecida ainda hoje, pelo missionário Samuel Nystrom, um dos pioneiros pentecostais estrangeiros.
Durante muitos anos ocupou funções locais, mas sua conduta espiritual, seu entusiasmo e sua formação secular possibilitaram um convite, em 1937, para colaborar com o Mensageiro da Paz, periódico pentecostal das Assembleias de Deus que se tornaria nacional, feito pelo missionário Nils Kastberg para ser seu redator. Despontava ali um grande homem que se tornaria um dos mais venerados escritores do movimento pentecostal do Brasil. Com trabalho eficiente, é admitido na CPAD (Casa Publicados das Assembleias de Deus) em 1940. Com muito talento, cultura, desenvoltura, perspicácia, mente fecunda e escrita clara dedicou-se a escrever artigos, reportagens e livros com elevado conteúdo espiritual, estimulando os pentecostais a uma vida mais santa e devotada ao Altíssimo.
Seus livros mais famosos foram O Testemunho dos Séculos e a Histórias das Assembleias de Deus no Brasil. Outros títulos de sua autoria são: Asas do Ideal, O Homem, Pentecostes para Todos, Igrejas sem Brilho, Nos Domínios da Fé, Caminhos do Mundo Antigo, Flores do Meu Jardim, Tesouros de Conhecimentos Bíblicos e Estudos da Palavra. Infelizmente, a maioria de seus livros pode ser encontrada somente em sebos ou em arquivos virtuais na Internet e com certa dificuldade. Ele foi também compositor de 25 hinos que fazem parte da Harpa Cristã, hinário tradicional dos assembleianos.
A leitura de Emílio Conde é edificante, empolgante e espiritual. Seus leitores percebem sua paixão e seriedade ao lerem sua obra. Quem tem a possibilidade de adquirir seus escritos, faço-o, pois valerá a pena, além de poder possuir uma raridade pertencente às grandes obras produzidas pela Igreja Evangélica Brasileira do século XX. 
Veja algumas de suas obras:






Nenhum comentário:

Postar um comentário